Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) e Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea) irão formar um grupo de trabalho para elaborar um Termo de Cooperação Técnica para troca mútua de informações. A proposta foi protocolizada dia 08 de agosto pelo presidente do Crea-MT, João Pedro Valente, à presidente do Indea Daniella Soares de Almeida Bueno.

De acordo com o presidente do Crea-MT, outros Regionais, a exemplo do Crea Goiás, já possuem trabalhos semelhantes com órgãos de defesa social e os resultados são positivos para a sociedade e para os profissionais da área tecnológica. “O objetivo, é subsidiar as equipes de trabalho de ambos os órgãos, com informações que os ajudem a executar suas atividades finalísticas de proteção à sociedade de maneira mais ágil e eficiente, como já é feito entre o Crea-MT e 39 municípios mato-grossenses e outros órgãos públicos, porém agora, com um órgão de defesa”, justificou João Pedro Valente.

Para a presidente do Indea, Daniela Bueno, “a proposta é totalmente viável principalmente se forem colocados pontos em comum. Como informações que possam ser cruzadas para otimizar o tempo dos nossos agentes em campo”, detalhou a gestora.

Daniela Bueno, aproveitou a reunião para trazer assuntos de interesses do Indea que precisam ser levadas à Câmara Especializada de Agronomia do Crea-MT. O presidente do Conselho se colocou à disposição para intermediar o assunto. “Precisamos aproximar os órgãos e trabalhar em parceria. Assim obteremos resultados mais eficientes para a sociedade”, acrescentou João Pedro Valente.

Também participaram da reunião o vice-diretor financeiro do Crea-MT, Marcelo Capellotto e o diretor técnico do Indea, Thiago Augusto Tunes.

*Equipe de Comunicação do Crea-MT