O sucesso do 1º Inovar – Encontro Técnico Virtual motivou o Conselho Federal de Engenharia e Agronomia a realizar o Programa de Inovação Continuada da Gestão, o Confea Inova, que acontecerá de modo on-line no 7 de abril, a partir das 14 horas.

“A iniciativa visa criar meios e mecanismos para possibilitar a execução de ações, a partir de questões estruturais internas, desenvolvimento de práticas e habilidades gerenciais e utilização de ferramentas que possibilitarão uma melhor gestão das unidades operacionais do Confea e suas superintendências”, explica a assessora Rosângela Simonetti, que coordena o programa, com base na experiência à frente do Inovar, realizado em novembro passado. Na ocasião, aproximadamente 80 pessoas de todos os Creas identificaram soluções inovadoras para os eixos fiscalização, eleições pela internet e registro profissional.

“As reflexões foram muitas, mas o que fica claro é que temos que fazer diferente para sermos mais produtivos e entender a cultura. Neste contexto, entra a inovação. Incentivar a geração de ideias que sejam exequíveis e tragam valor para a organização, e nada melhor do que ouvir o que os colaboradores do Confea têm a dizer”, comenta a assessora, lembrando que a iniciativa vem sendo desenvolvida pela Superintendência de Estratégia e Gestão (SEG), a pedido do presidente Joel Krüger.

Neste segundo mandato, Krüger tem adotado uma gestão pautada em aperfeiçoamento e celeridade. “Não faz sentido pensarmos em inovação se não tivermos velocidade. E não teremos velocidade se não houver a inovação”, disse o presidente aos representantes dos Creas no 1º Inovar, incentivando-os a desenvolver soluções tecnológicas e criativas.

Tomada de decisão

Por meio do Programa Confea Inova, serão disponibilizadas aos gestores metodologias e ferramentas amigáveis para que consigam estabelecer metas, monitorar entregas e gerar dados padronizados, acessíveis e confiáveis. “A construção de indicadores a partir desses dados possibilitará análises para tomada de decisão por todas as camadas deliberativas do Confea”, afirma Rosângela.

Fonte: Confea