Piso salarial de engenheiros que ocupam cargos públicos é destaque em reunião da CECAS de junho

9 de junho de 2022, às 15h49 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

A Câmara Especializada de Engenharia Civil, Agrimensura e Segurança do Trabalho (CECAS) realizou reunião mensal de junho a fim de debater assuntos relacionados ao exercício profissional. O encontro foi realizado dia 03/06, na sede do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), em Cuiabá.

Na oportunidade, o coordenador da CECAS, eng. civil Darci Lovato, realizou a leitura da correspondência e informou aos demais membros da Câmara sobre o pedido de cancelamento da certidão emitida por engenheiro agrícola para elaboração de Projeto de Barragem. Após deliberada, a decisão foi encaminhada aos setores competentes.

Um dos principais pontos debatidos durante a reunião, através da sugestão da conselheira eng. civil Aledir Magalhães, foi a análise do piso salarial dos profissionais das Engenharias que ocupam cargos públicos. “Houve uma explanação da conselheira proponente, onde iniciamos os debates e foi definido que cada conselheiro membro da CECAS fará uma análise detalhada da questão para que possamos dar continuidade na próxima reunião sobre esse importante tema”, explicou o coordenador da CECAS.

Além disso, os conselheiros membros foram informados com relação ao término das sessões plenárias realizadas de maneira híbrida. Desta forma, os encontros mensais voltarão a ocorrer apenas de forma presencial. A decisão foi tomada durante sessão plenária realizada quinta-feira (02/06).

Durante o encontro também foi discutido o andamento dos Grupos de Trabalho (GT), a exemplo do sistema EaD Acadêmico/Profissional, setor de Eventos e de Fiscalização, bem como da comissão criada para trabalhar juntamente com a Câmara Especializada de Geo, Minas e Industrial (CGMI) em assuntos pertinentes às barragens.

“Foram feitos vários informes nesses GTs, principalmente na questão do Grupo de Trabalho EaD, Acadêmico/Profissional. Foi informado que nós estamos preparando uma reunião com os coordenadores dos cursos de graduação das áreas da Câmara e teremos uma reunião da câmara com os coordenadores, inclusive com a participação de representantes da Coordenadoria Nacional da Engenharia Civil.

Também foi feita uma explanação de vários eventos técnicos que irão acontecer agora no segundo semestre do ano, como a Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia (SOEA), bem como o Congresso Brasileiro de Engenheiros Civis (CBENC), entre outros”, destacou Darci Lovato.

Além disso, juntamente com os conselheiros Carlos Roberto Micheline, engenheiro representante da Agrimensura e Giuvania Maria Soares, da Segurança do Trabalho, foram destacados aos membros os principais pontos debatidos na última reunião da Coordenadoria Nacional, bem como foram deliberados 413 processos Ad Referendum.

“Em outro ponto da pauta houve uma explanação do Plano Anual de Fiscalização, com o gerente Jackson da Conceição e a coordenadora do setor Ivanil Martins. Eles fizeram uma apresentação das ações da Gerência de Fiscalização, do que tem sido feito e também do plano a ser trabalhado em 2022 e 2023. Houve vários encaminhamentos e diversas sugestões e dúvidas, debates e explicações interessantes sobre essa questão da fiscalização, inclusive sugerido pela coordenadora do GT Fiscalização, conselheira eng. civil Marciane Prevedello Curvo”, explicou Lovato.

Na ocasião foi criado ainda um GT itinerante para fazer a mobilização dos profissionais e instituições de ensino da região de Primavera do Leste a participarem da sessão plenária e da reunião de Câmara que será realizada no mês de agosto, no município. Por fim, também foram deliberados diversos processos de ética e denúncias.

No dia 03 de junho, também foram realizadas reuniões de outras quatro  Câmaras Especializadas do Crea Mato Grosso: Agronomia, Engenharia Florestal, Elétrica, e Geo, Minas e Industrial, onde debateram vários assuntos relacionados ao exercício profissional.

Sarah Mendes sob supervisão de Cristina Cavaleiro/ Gerência de Relações Públicas, Marketing e Parlamentar (GEMAR) /Fotos: Igor Bastos