A Gerência de Gestão de Pessoas (GEGEP) do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) em parceria com o Instituto de Pós-graduação (IPOG) realizou sexta-feira, 08 de junho, no Plenário “Rubens Paes de Barros Filho”, a palestra “É possível trabalhar e ser feliz no mesmo lugar” para os funcionários do Conselho.

O encontro que faz parte das atividades extracurriculares de desenvolvimento de pessoas e de qualidade de vida do Crea Mato Grosso, teve o objetivo promover motivação, cooperação e inspiração aos funcionários do órgão. “A palestra foi uma forma dos funcionários refletirem qual o melhor caminho a ser seguido. Tanto que os pontos destacados envolvem a divisão do ser humano e o  que ele pode fazer para ser feliz todos os dias em todos os lugares. Seja em casa ou no trabalho”, explicou a psicóloga Priscila Lopes que ministrou a palestra para os funcionários do Crea-MT.

Ainda segundo Priscila, o tema apresentado teve base em pesquisas realizadas, por revistas nacionais a exemplo da Revista Exame, edição de fevereiro de 2018, “O segredo da mente produtiva”.  A reportagem mostra novos estudos sobre o cérebro, indicando o caminho mais eficiente para buscar o alto desempenho no trabalho e na vida pessoal.

“São dicas simples de coisas que o ser humano sabe  fazer, e pode ajudar no dia-a-dia, mas na maioria das vezes, passa despercebido. Basta tomar consciência e ter foco. Por exemplo, é mais feliz também no trabalho quem tem um bom relacionamento com os colegas”, exemplificou a profissional de psicologia.

Durante o encontro, a palestrante destacou dez pontos fundamentais para conquistar o sucesso e a felicidade no trabalho.  Como o aprendizado e desenvolvimento de carreira, a oportunidade de liderar, mostrando a diferença entre competência e liderança, independente de cargo. A importância de apresentar resultados, a boa convivência. Cuidar da imagem, usando roupas que combinem com ambiente de  trabalho. Passando respeito e bom senso. Manter o ambiente de trabalho limpo e organizado.

“Não basta ter eficácia tem que ter eficácia. É preciso fazer as tarefas visando o aperfeiçoamento, mudar e  fazer algo diferente, sem perder o brilho nos olhos, pensando sempre positivo, porque través de nossas escolhas, além de ajudar os outros a descobrirem o que há de melhor neles. O importante é gostar do que faz tomando consciência disso, mostrando a importância do retorno ao funcionário através dos feedbacks, com frequência e clareza, também é importante”, destacou durante a palestra.

Para Gerente de Gestão de Pessoas (GEGEP) do Crea Mato Grosso, Francielle da Silva Oliveira, além da motivação, a principal meta do encontro foi de mostrar aos funcionários a possibilidade de criar expectativas, e ser feliz aonde se trabalha. “Às vezes permanecemos no ambiente de trabalho um período maior do que em casa.  Costumo dizer que o Crea-MT é uma nova família. Ter felicidade é o meu propósito, ajudando a fluir e melhorar a comunicação interna também”, afirma.

A gerente do GEGEP, detalha também que a Gerência de Gestão de Pessoas está desemprenhando um trabalho multidisciplinar, através de equipe formada por profissionais da área do Direito, Secretariado Executivo, setor Contábil, Fitoterapia e Psicólogo, com objetivo de desenvolver pessoas. O próximo passo agora, será de trabalhar as emoções no ambiente de trabalho.

Suzana Pacheco Pereira

A assistente administrativa da Gerência Financeira, Suzana Pacheco Pereira, parabenizou a iniciativa de trabalho desempenhada  em prol dos funcionários do Crea-MT, e a atualização relacionada aos profissionais dentro dos temas abordados. “Com a implantação de uma nova gestão, sempre é importante essa aproximação com os funcionários, quebranto toda barreira com a gestão e novas pessoas”, disse Suzana.

Roberto Carlone

Já o Gerente do Jurídico do Conselho, Roberto Carlone, detalhou que é interessante esse novo formato administrativo, por contribuir para o crescimento e aperfeiçoamento profissional e de pessoal dos funcionários.

Palestrante – Priscila Lopes é graduada em Psicologia pela UFC, pós-graduada em Recursos Humanos pela FGV e mestre em Administração pela PUC-MG. Com 17 anos de experiência em Recursos Humanos, atuando em multinacionais dos segmentos de Mineração e Energia. A psicóloga apresentou dez fatores que fazem parte da vida cotidiana de funcionários de repartições públicas e privadas.

*Equipe de Comunicação do Crea-MT