(Da esq. p/ Dir.) Dirson Freitag, André Schuring, Edson Delgado e João Pedro Valente.

Os presidentes dos Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, João Pedro Valente e Dirson Freitag, assinaram dia 11 de abril em Brasília um Termo de Acordo de Cooperação Técnica para transferência de Tecnologia. Segundo o documento, o Crea-MS irá fornecer o software, denominado E-Crea, e o Crea-MT fazer a concessão de uso do sistema “Aplicativo para Androide e IOS”, desenvolvido pelo Regional. Também participaram da assinatura o vice-presidente do Confea, Edson Delgado, e, o conselheiro federal por Mato Grosso, André Luis Schuring.

“Parcerias como esta criam laços de cooperação mútua com o objetivo de reduzir burocracias, otimizar processos internos, dão maior foco na atuação estratégica da gestão, somam competências e garantem à sociedade, um serviço público de maior qualidade”, avaliou o presidente do Crea-MT João Pedro Valente, ao se referir à troca de tecnologias que implementará processos administrativos do Crea-MT à exemplo do processo de compras, de pagamentos, ofícios, holerite, relatórios de fiscalização, relatos de processos, autos de infração, certidões de pessoas físicas e jurídicas, acervos técnicos, ouvidoria, controle de anuidade, entre outros.

João Pedro Valente ainda explicou que a transferência de tecnologia ocorrerá como um intercâmbio de conhecimentos para contribuir com o desenvolvimento socioeconômico dos estados e dos profissionais “que serão favorecidos com a otimização da prestação dos serviços, avanço na compreensão das funções produtivas do funcionalismo público, implantação de sistema informatizado e adequado para as necessidades das áreas da engenharia e da agronomia, transparência no serviço público e aumento na continuidade de controles”.

“No caso de Mato Grosso do Sul, nós poderemos disponibilizar estes serviços via celular e tablet, como já ocorre no Crea-MT, com o aplicativo para Androide e IOS. São duas tecnologias que se complementam e quem ganha é a sociedade e nossos profissionais e empresas registrados”, afirmou o presidente do Crea-MS, Dirson Freitag.

*Rafaela Maximiano/Crea-MT