Visando a otimização e facilidade aos profissionais do Sistema Confea/Crea, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT) através de uma parceria com o Crea Mato Grosso do Sul realizou nos dias 07, 08 e 09 de outubro no plenário do Conselho, treinamento para o corpo administrativo e fiscal do Regional Mato-Grossense do Sistema eCrea.

Para o gerente de Tecnologia da Informação do Crea-MT, Leonardo Silqueira essa ferramenta já é utilizada no Crea Mato Grosso do Sul e será implantado em Mato Grosso, por meio de termo de cooperação entre Crea-MT e Crea-MS, propiciando toda informação. O banco de dados do Crea-MS será disponibilizado ao Regional Mato-Grossense, para implementar o Sistema no Crea-MT. O eCrea comtempla o atendimento, Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), cadastro, fiscalização, relatos de processos, por meio do processo administrativo.

“ Ou seja, um sistema completo que atenderá todo Conselho. De três módulos disponíveis, três já foram implementados, que são: Ouvidoria, tarefas e administração do sistema. Posteriormente vem atendimento, ART, cadastro e financeiro. Para o próximo ano, será implementado fiscalização, dívida ativa e processos administrativos.   Esse é o primeiro treinamento para o corpo de fiscais e administrativo do órgão, onde tiveram acesso, visualizaram as telas e como funciona ele. Acesso aos procedimentos usados pela Crea Mato Grosso. Onde buscaremos otimizar esses procedimentos e aplicar, utilizando a expertise do Crea-MS”, detalhou Leonardo.

Ainda segundo o Gerente de TI do Crea-MT, a ideia é implementar o processo administrativo eletrônico. No início passarão por esse procedimento os novos documentos, para posterirormente digitalizar o legado, que são os arquivos existentes há muitos anos, até chegar no ponto de extinção, até porque tem um prazo de guardar documentos, e isso será atendido conforme a legislação.

“Ano passado, o Regional Mato-Grossense realizou duas visitas no Crea-MS, estudando e trazendo a ideia de como funciona o Sistema para Mato Grosso. Em outra oportunidade   foi uma comissão composta por financeiro, diretoria, Apoio ao Colegiado, Gabinete, administrativo e Registro conhecer o funcionamento do sistema em Mato Grosso do Sul”, citou Geovani Marcos Bertol, superintendente Operacional do Crea-MT.

Já para o gerente de Tecnologia da Informação do Crea Mato Grosso do Sul, Sanderson Loubet Izidre, no primeiro momento o eCrea visa a integração do Crea-MS.   O sistema iniciou em agosto de 2006, trazendo como principais benefícios a otimização de recursos, facilidade no rastreio da informação e transparência dos atos do Conselho. “ Vale ressaltar, que desenvolvemos uma política de comunicação chamada Crea Ágil, envolvendo canais no youtube com vídeos autoexplicativos de como se emite uma Anotação de Responsabilidade Técnica e solicitação do sistema coorporativo. Uma forma de diminuir dúvidas e o tempo de atendimento, a exemplo do contato telefônico nos setores na qual é solicitado esse tipo de serviço”, disse Sanderson.

A gerente Operacional do Crea-MT, Renilda Alcântara explicou que   mais de 20 mil profissionais fazem parte do Sistema do Crea Mato Grosso, espalhados em 24 inspetorias no Estado. Devido aos números expressivos de atendimento, o eCrea vem ao encontro das necessidades desses profissionais. O novo sistema coorporativo facilitará a emissão de documentos, principalmente a parte de registros e ART e outros serviços realizados pelo atendimento do Regional.

Durante o encontro, os funcionários do setor administrativo e fiscalização receberam treinamento da gerente do Departamento de Atendimento e Registro do Crea-MS, Eliene Batista Gonçalves. “ É importante capacitar quem trabalha com essa ferramenta, tanto no atendimento como na fiscalização, dessa forma os funcionários terão um conhecimento de como esse método funciona. Trouxemos o passa a passo, por meio de manuais, informações referentes de como proceder o eCrea”, destacou Eliene.

A assistente administrativa da inspetoria do Crea-MT no município de Campo Novo do Parecis, Marciana Santos, disse que finaliza esses dias de encontro satisfeita, ao tirar dúvidas e saber que os trabalhos serão otimizados através do Sistema eCrea. “ Novas tecnologias são sempre bem-vindas, principalmente quando se fala em facilidade e rapidez no atendimento dos profissionais do interior.

 

 

Texto: Cristina Cavaleiro/Fotos: Igor Bastos/Equipe de Comunicação do Crea-MT